Atenção

Segundo Blog em Sou uma Cyborg - Ouvido Impantado

Contacto: soucyborg@gmail.com

domingo, 15 de junho de 2008

Leitura Labial Desprendida

O Implante Coclear é maravilhoso, reflecte o meu estado de espírito, a alegria de viver e é espantoso como um simples aparelho Biônico pode alterar a vida de uma pessoa para melhor. A verdade, é preciso treinar arduamente com a força do querer, de conquistar e vibrar atenta às coisas em torno de mim.

A leitura labial foi a minha fiel amiga nos últimos 20 anos, era a única ligação comunicativa com as pessoas e lugares do mundo. A surpresa foi no mínimo curioso e interessante para crer! Resolvi não colocar o Implante Coclear durante todo o dia, a minha irmã chama-me ao de longe, não ouço nada. Silêncio absoluto.

Aparece no escritório, acende a luz e apaga de forma chamar-me atenção, viro-me e sei que vai mexer os lábios, sigo com o olhar mais atento que nunca. Os lábios agitam numa fracção de segundos, vejo tudo enevoado e não percebi NADA!

Desnaturada, pedi delicadamente para repetir, movem mas não consigo fazer leitura labial, perturbada divaguei "onde está a minha bendita capacidade de ler os lábios?!" assim foi o dia inteiro com a minha família e amigos em busca dos "Ah?!"," Ah?!", "Não percebi! Repete…", "Fala mais devagar!!", "Quê??!"

Conclusão: sou uma coclear – dependente.

Com o Implante activado, acompanho facilmente mesmo nas pessoas que falem demasiadamente depressa, as palavras mergulham energicamente dentro do ouvido implantado, fico mais atenta aos sons onde por sua vez a leitura labial sucumbe para a segunda categoria.

È sinal que estou já adaptada aos estímulos eléctricos do processador de fala e o meu cérebro em cada dia é capaz de chegar á lua.


 

 

4 comentários:

Margarida disse...

Boa, Memorex!!!
Estas feliz enqt eu estou mergulhada em angustias com os exames...Fico mt mt feliz pelas tuas conquistas sonoras, é uma benção ouvires a magia das palavras, dos sons, da fala, das vozes, dos barulhos matinais, nocturnos...Acredito que pelo facto estares a passar por essa fase leva-te a "esquecer" a tua antiga forma de comunicação.Não sou uma especialista em IC, mas pelo k sei, da minha forma de comunicação de 20 anos para cá, penso que nao esquecerás facilmente a leitura labial. Pode ficar enferrujada, lá nas bandas do teu córtex cerebral, mas aposto que não vais perdê-la.

Por vezes pode dar um jeitao...hihi
Beijos grandes*

Isabel-F. disse...

que interessante ...


nunca imaginei que deixasses de conseguir fazer a leitura labial ...

beijinhos

Pedro Costa disse...

coclear-dependente...

estas uma agarrada...
:D

Z disse...

eu prefiro pensar que uma coisa complementa a outra. :)

mas comigo passa-se exactamente o mesmo!

beijinho